-
-

 

Já mostramos para você que algumas profissões exigem fluência no inglês, e também já apresentamos os fatos que comprovam que os profissionais que dominam o idioma têm salários mais altos. Agora, vamos explicar como o inglês, quando aplicado em determinadas carreiras, é essencial e faz toda a diferença no exercício da atividade profissional.

 

Através de cursos corporativos, o profissional se torna fluente no inglês de maneira contextualizada para sua área de atuação, o que contribui para seu crescimento pessoal e profissional.

 

Neste post, falamos sobre os cursos de inglês para médicos, mas é válido para todos os profissionais da área da saúde

 

A importância da língua

A medicina é uma área que, não importa o tempo que passe, tanto estudantes como profissionais graduados há anos recorrem muito à literatura científica, seja ela em livros, artigos ou revistas científicas.

 

Grande parte destes materiais de estudo são em inglês, e na maioria das vezes não são traduzidos para o português, daí a importância ainda maior da fluência na língua.


 

Estudos e especializações

Mestrados e doutorados na área exigem o conhecimento na língua, além de um fato extremamente importante: na residência médica (especialização de alunos graduados em medicina), o residente deve possuir certificado de proficiência na língua inglesa (como TOEFL ou TOEIC) como pré-requisito de aprovação.

 

Congressos e pesquisas

Profissionais de saúde devem estar sempre atentos às pesquisas que são feitas em relação à sua área de atuação para se manterem atualizados nos tratamentos e novidades em geral, e mais uma vez, a maioria vem de fora.

 

Além disso, médicos participam constantemente de congressos internacionais que discutem assuntos inovadores da área. E é importante estar preparado e se manter sempre atualizado em relação às novidades de sua especialidade.

 

Adquirindo a fluência

Assim, vemos que é de extrema importância que um profissional de saúde tenha fluência na língua inglesa. E acredite: nunca é tarde demais para começar.

 

Alguns cursos são feitos exatamente para aqueles que já estão no mercado de trabalho, e eles garantem a fluência do profissional já direcionada para a área em que atuam.


Conheça aqui o que se encaixa melhor em sua vida profissional.